06/05/2021 18:05 - EM
Olímpico
Nova data do Pré-Olímpico de Nado Artístico agrada Tricolores
Luisa Borges, Maria Bruno e a técnica Twila Cremona terão mais um mês de treinos para a competição, que será realizada de 10 a 13 de junho em Barcelona, Espanha


Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Foram muitas idas e vindas até a Federação Internacional de Natação (Fina) definir local e data do Pré-Olímpico de Nado Artístico, marcado entre os dias 10 e 13 de junho, em Barcelona, Espanha. A decisão agradou ao dueto brasileiro, que ganhou mais um mês de treinamento para lutar por uma vaga nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. O dueto conta com a técnica do Fluminense Twila Cremona e com as atletas tricolores Luisa Borges (titular) e Maria Bruno (reserva). Laura Miccuci, do Flamengo, completa a equipe.

Vencedora do Prêmio Brasil Olímpico como melhor brasileira da modalidade em 2019, último ano de competições antes da pandemia mundial de COVID-19, Luisa Borges chegou a temer que a vaga em Tóquio fosse decidida fora da piscina. Agora, a atleta não vê a hora de competir.

"Ficamos pensando que poderia ser por outro critério já que a data e local não saiam. Mas quis sempre pensar no melhor, que seria presencial com todos os cuidados possíveis por conta do covid. Agora é cair para dentro dos treinos porque o Pré-Olímpico está chegando", vibrou Luisa.

Leia mais: Tricolores do nado artístico fazem bonito no Sul-Americano

Já a técnica Twila Cremona comemorou o fato de ter mais tempo para treinar. Anteriormente, a competição estava marcada para maio e a remarcação para junho deu mais um mês para o dueto ajustar os últimos detalhes.

"Para nós, foi super positivo. Fizemos muitas mudanças na coreografia depois do Sul-Americano e teremos mais tempo de encaixar essas mudanças e trabalhar ainda mais o preparo físico das três atletas", disse Twila.

Barcelona traz boas recordações para Luisa Borges e Maria Bruno. Foi na cidade espanhola que as duas disputaram o Mundial de 2013, quando foram finalistas com a equipe brasileira, e fizeram um training camp em 2015 visando os Jogos Olímpicos Rio 2016. O ponto negativo é não poder competir no palco de Tóquio 2020.

"Precisávamos de um lugar para sediar o evento e achei ótimo que será em Barcelona. Já foram duas passagens por lá e temos boas recordações. Se fosse em Tóquio seria bom para conhecer a piscina onde será a competição dos Jogos Olímpicos. Como isso não foi possível, Barcelona é uma ótima opção", finalizou Maria Bruno.

Texto: Comunicação/FFC
Foto: Arquivo Pessoal





Umbro orig original
Betano original
Gazin original
Tim original
Patrocinio.jpg original
Hotelnacional original
Brahma original
Zinzane original
Samoc original
Puri original
Ambipar original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Telecall original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Top on original
Singular original
Opusseg original
Coachid original
Donna original
Mazars original
Estacio original
Ncores original
Cbc original
Fourtrade original
Phnorte original
Playermaker original