10/07/2019 17:20 - EM
Olímpico
Flu tem sete representantes no Mundial de Esportes Aquáticos
Atletas também defenderão o Brasil nos Jogos Pan-americanos Lima 2019, no Peru


O Fluminense terá sete representantes no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, que começa nesta sexta-feira (12), na cidade de Gwangju, Coreia do Sul. Juliana Veloso, Ingrid Oliveira e Danielle Robles disputam os saltos ornamentais,  Luisa Borges, Maria Bruno e Anna Giulia Veloso, o nado artístico, e Logan Wolverine defenderá o Brasil no polo aquático. E a missão dos tricolores não terminará no oriente. No fim do mês, esses mesmos atletas defenderão o Brasil nos Jogos Pan-americanos Lima 2019, no Peru.

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Em seu quinto mundial, Juliana Veloso saltará no trampolim de 3 metros com o objetivo de chegar na final e garantir seu lugar em Tóquio 2020. Ingrid Oliveira competirá na plataforma de 10 metros mista e também sonha ser finalista na plataforma de 10 metros individual para ir aos Jogos Olímpicos. Para isso, a atleta terá que superar as dores no punho que dificultaram sua preparação. Estreante em Mundiais, Danielle chega na Coreia com índice B no trampolim de 1 metro. Ela será a primeira brasileira a entrar na água na Coreia, logo no primeiro dia de competição.

"Como o trampolim de 1 metro não é uma prova muito disputada, não sabemos como estarão os outros competidores. A prova da Danielle vai ser um bingo e a diferença de pontos entre os atletas deve ser pequena. Já a Ingrid ficou sem salta de 10 metros durante um tempo devido à lesão no punho e temos que ver como ele vai reagir na hora. Tecnicamente os saltos dela são muito bons. E a Juliana é muito experiente e o objetivo principal é a vaga em Tóquio", disse a técnica tricolor Andreia Boehme.

Leia mais: Nado artístico tricolor mistura experiência e renovação no Mundial

No nado artístico, Luisa Borges também entrará em ação na sexta-feira, no dueto técnico. Ela ainda competirá no dueto livre e nas provas por equipe, ao lado de Maria Bruno e Anna Giulia Veloso. O objetivo é conseguir um bom desempenho no Mundial para chegar embaladas nos Jogos Pan-americanos Lima 2019.

"Vamos lutar para chegar à final na Coreia e isso vai ser meio que uma prévia do Pan-americano, que contará com muitos países que disputarão o Mundial. Nossa intenção é conseguir um bom resultado para já chegar em Lima", disse Maria Bruno, que disputa seu sexto Mundial.

Já Logan Wolverine compõe a seleção brasileira masculina de polo aquático, que estreia contra a Itália, na próxima terça-feira (16). A equipe passou por um período de treinamentos nos Estados Unidos e China antes do Mundial. Da Coreia do Sul, Logan embarca direto para os Jogos Pan-americanos.






Ua original
Tim original
Autovisa original
Fortevir original
Kashbet2 original
Azeiteroyal original
Gatorade original
Brahma original
Futebolmelhor original
Bioleve original
Puri original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Grupoentreter original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Redeon original
Parceiro cbc original
Opusseg original