25/03/2020 15:05 - EM
Futebol
Fernando Pacheco fala sobre isolamento físico
Peruano do Fluminense, que vive sozinho no Rio de Janeiro, dá dicas para a quarentena


Após dez dias de paralisação do futebol brasileiro, para conter o avanço da pandemia do coronavírus, surgem novas questões e debates acerca das consequências do isolamento físico. Manter-se ativo e produtivo dentro de casa toma uma importância para a manutenção da saúde mental que provavelmente não se notava anteriormente. Nesse cenário, Fernando Pacheco fala dos dias vividos sozinho e longe de casa.

O peruano Fernando Pacheco tem 20 anos e marcou o último gol do Fluminense antes da paralisação dos campeonatos. Para ele, estar distante da família é costumeiro para um jogador de futebol. "Desde pequeno vivemos sem o convívio diário com nossos parentes, em busca do nosso sonho. É um hábito que adquirimos, vivendo em alojamentos, outras cidades e, no meu caso hoje, em outro país. Mas a grande diferença, nesse momento, é o contato zero, mesmo com pessoas não tão próximas. Acredito que viver sozinho também é uma experiência, um aprendizado", disse.



A Psicologia do Tricolor já havia encaminhado aos jogadores algumas recomendações gerais e está sempre à disposição durante o período de reclusão. Emily Gonçalves, psicóloga do Futebol Profissional, avalia a situação das pessoas que moram sozinhas e passam pelo isolamento físico. "Essa é uma situação nova para todo mundo, mas, sem dúvida, pode ser mais crítica para as pessoas que moram sozinhas. A falta de interação, conversa e, até mesmo, apenas a presença do outro pode gerar preocupação e ansiedade. Recorrer à tecnologia é um bom caminho para minimizar essa falta. Conversar com pessoas em tempo real, agora com a facilidade das videoconferências, onde você pode ver seu interlocutor ajuda muito", lembrou Emily.

Pacheco reforçou a afirmação da psicóloga. "Tenho usado muito a internet para conversar com minha família e amigos no Peru. Com os aplicativos que facilitam as conversas em vídeo, podemos ver as reações das pessoas do outro lado, o semblante de cada um. É diferente de uma ligação telefônica, sem dúvida é mais confortante. Além disso, recebo muito o carinho do torcedor Tricolor. O hábito do exercício físico também ajuda mentalmente, tanto na percepção da manutenção das atividades quanto sensação de bem-estar. Tenho assistido séries e filmes, o que também ajuda a ficar mais calmo e passar o tempo", disse o jogador.



"Atletas, de modo geral, têm algumas características de vida que, teoricamente, os tornam mais acostumados a viver com mais independência. A idade em que saem de casa para buscar o sonho e, até mesmo o dia a dia de viagens e jogos. Mas o isolamento completo, ainda sem data confirmada para o término, é sempre um caso de atenção para qualquer pessoa. Sugiro que as pessoas que estão nessas condições procurem sempre conversar com parentes e amigos por videoconferência ou telefone, procurar arejar a casa, deixando a luz do dia entrar, fazer atividades físicas e de lazer da sua preferência. Ouvir música, ver filmes com temas leves também são bons caminhos", alertou Emily.

"Manter a ordem do espaço em que mora também é uma dica importante para quem vive sozinho e pode até ser uma forma de passatempo em dias de internato compulsório. Ter ciência de que o isolamento é um momento passageiro e cultivar objetivos de vida são bons pensamentos para manter uma boa saúde mental. Mesmo sem prazos para o término da reclusão, sempre temos metas na vida. Mantê-las ativas pode ser uma injeção de ânimo. Cultivar seus pontos fortes também é uma ótima prática. Criatividade, artes, trabalhos manuais, tudo isso pode funcionar positivamente", completou a psicóloga.


FOTOS: Lucas Merçon e Mailson Santana/FFC

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!





Umbro original
Sika original
Tim original
Docerio original
Gatorade original
Brahma original
Bioleve original
Puri original
Ambipar original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Top on original
Parceiro cbc original
Singular original
Opusseg original
Mazars original