23/04/2019 17:00 - EM
Futebol
Natural de Recife, Nino comenta chance de atuar em sua cidade natal
Zagueiro vai atuar contra o Santa Cruz, no Arruda, na próxima quinta-feira, no jogo de volta da 4ª fase da Copa do Brasil


A vida de jogador de futebol muitas vezes é feita de sacrifícios. A maior parte deles deixa suas casas e famílias para trás em busca do sonho. É o caso do zagueiro Nino. Natural de Recife, o atleta deixou a sua cidade natal cedo. Rodou, chegou ao Fluminense e agora tem a chance de atuar "em casa". Na próxima quinta-feira, quando o Tricolor enfrentar o Santa Cruz na capital pernambucana, pelo jogo de volta da 4ª fase da Copa do Brasil, o camisa 33 do Time de Guerreiros terá a chance de jogar diante de sua família e amigos.

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

- Saí de casa muito cedo para buscar esse sonho de ser jogador. Cada oportunidade de jogar na minha terra é um prazer sempre. Vai ter familiares, amigos, e é um prazer jogar com eles torcendo. Nunca joguei no Arruda, vai ser a minha primeira oportunidade lá. Estou muito feliz por isso - afirmou o zagueiro, que analisou o adversário desta quinta-feira.

- Precisamos jogar com muita seriedade. Sabemos que vai ser um jogo difícil. Vamos encontrar um estádio lotado, uma equipe que vai ser empurrada pela torcida. Vai querer reverter a vantagem, tentar uma pressão nos primeiros minutos. Sabemos o que temos que fazer, jogar com inteligência, seriedade e com os pés no chão para que possamos fazer um bom jogo lá e voltar com a classificação.

Confira outras respostas da coletiva do zagueiro Nino:

Bom momento da defesa
Mostra que nosso trabalho está sendo bem feito. Nossa partida defensiva sempre tem ido bem. Esperamos continuar assim, tomar o mínimo possível de gols para que as classificações venham e a gente possa ir longe nesta competição.

Ausência de Ganso
O Ganso é uma liderança técnica, um cara que tem bastante experiência, que passa isso para gente. Perdemos com a ausência dele em qualquer jogo, pela qualidade que ele tem. Mas temos outros jogadores à altura. Tenho certeza que quem entrar no lugar dele vai dar conta do recado.

Santa Cruz
Vamos correr riscos se nos deixarmos levar pela vantagem. É um outro jogo. Não podemos achar que vai ser fácil, achar que a classificação está garantida. Vai ser um jogo muito difícil. Sei da força da torcida deles. Vai ter apoio, o ambiente vai ser favorável a eles. Mas sabemos o que temos que fazer. Vamos jogar com seriedade do primeiro ao último minuto para que essa classificação venha.

Estilo de jogo
É uma característica do Diniz. A princípio é complicado, um pouco difícil, mas com o passar do tempo vai ficando fácil. Não só para a zaga, mas para toda a equipe. Não é só a defesa que tem a responsabilidade de sair jogando, mas sim o time todo. Ninguém vai conseguir fazer nada sozinho. Depende do conjunto, é isso que faz com que a gente saia jogando e tenha esse modelo de jogo. É com esse conjunto forte que vamos conseguir os resultados.

Matheus Ferraz
O Matheus é um cara espetacular, como atleta e pessoa. Vive uma grande fase. Vem me passando bastante experiência. É muito prazeroso. Tenho crescido bastante ao lado dele. O que tenho aprendido com ele, vou levar por toda a minha carreira. Espero que esse entrosamento e essa boa fase continue e a gente possa dar bons resultados para o Fluminense.

Mudanças na defesa
Estou me sentindo muito bem, à vontade no clube. Cheguei e demorei um pouco para ser inscrito. Um mês que aproveitei muito para me adaptar ao estilo de jogo e ao convívio. Me sinto à vontade, sabia que uma hora a oportunidade ia aparecer. Tentei estar preparado. Venho fazendo meu melhor, ajudado da maneira que posso. O Digão é o capitão, um cara que saiu por lesão. Não sabemos o que vai acontecer, mas a cada jogo tento ajudar a equipe da maneira que posso.

Objetivos
Agora começam os jogos grandes. Sabemos que nosso trabalho da pré-temporada, toda a preparação, é para esse momento. Estamos focados em todas as competições para dar alegria aos torcedores, funcionários, para o clube. Vamos tentar, passo a passo, nos manter brigando por todas. Vamos fazer nosso melhor sempre para que o título venha.

Perigos do adversário
O Diniz é um cara muito inteligente, estudioso. Temos tentado focar no que vamos fazer. Sabemos que a melhor maneira de ganhar o jogo é fazer tudo que estamos propostos a fazer: na defesa, no ataque, na saída de jogo, na reconstrução, atacar sem ficar exposto atrás, defender sabendo que quer atacar. Sabemos que o Santa Cruz tem força dentro de casa, jogadores velozes na frente. Sabemos que precisamos manter nossa postura, aquilo que estávamos preparados para fazer e assim vamos conseguir fazer um bom jogo.

Texto: Comunicação/FFC
Fotos: Lucas Merçon/FFC





Ua original
Tim original
Autovisa original
Brahma original
Gatorade original
Futebolmelhor original
Bioleve original
Bnnutri original
Puri original
Wv original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Bauerfeind original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Mazars original
Sos original
Parceiro cbc original
Grupoentreter original