18/02/2021 12:11 - EM
Clube
Flu é o segundo colocado no Samba Digital Awards-2020
Clube é escolhido entre mais de 100 inscritos por ação no Dia da Consciência Negra



Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!


O Fluminense garantiu o segundo lugar entre os mais de 100 inscritos na edição 2020 do Samba Digital Awards para a escolha das melhores campanhas de marketing desenvolvidas ao longo do ano por clubes, entidades e jogadores da América Latina. Dividido em três categorias (Ação Social, Conteúdo Áudio & Visual e Engajamento), o prêmio teve seis finalistas selecionados para cada uma delas e o Tricolor ficou com a medalha de prata em Ação Social, pelo trabalho “Dia da Consciência Negra.


À época o Flu fez um trabalho com a influencer Bianca Santos, torcedora, para produzir conteúdo nas redes sociais do clube durante todo o dia. O Tricolor ainda divulgou vídeo com explicação do apelido "Pó de arroz" e promoveu um debate sobre racismo e preconceito no esporte, com participação do jornalista e antrópologo Ernesto Xavier e de dois técnicos negros do clube, Marcão, do profissional, e Thaíssan Passos, do time feminino.


O atacante Fred, com a ação "Tour do Fred", no qual percorreu partes do caminho entre Minas Gerais e Rio de Janeiro de bicicleta também estava entre os finalistas na categoria Áudio & Visual e ficou em terceiro.


A premiação contou com votos de 39 especialistas e grandes nomes do marketing e da comunicação digital. Os vencedores foram escolhidos entre 18 finalistas, seis em cada categoria.


Relembre um pouco sobre o projeto que deu o prêmio ao Fluminense

Sempre se destacando na vanguarda em toda sua história, o Fluminense, mais uma vez, fez valer seu lema #timedetodos e deu continuidade ao processo de campanhas, iniciado há alguns anos, para a criação de estratégicas que discutam a diversidade e pluralidade. A partir de reuniões internas, ficou decidido que o Dia da Consciência Negra não deveria ser trabalhado, apenas, a partir de homenagens. O foco teria que, principalmente, incentivar uma discussão densa, robusta e com conteúdo.


Por meio de seus perfis oficiais no Instagram, Twitter e YouTube, o Fluminense definiu seu objetivo: dar voz aos negros e se colocar num lugar de propor o debate. A missão era mostrar para os nossos torcedores e para a sociedade, como um todo, que o Tricolor é um clube realmente engajado e preocupado com temas relevantes. A causa negra, assim como muitas outras, não pode ser deixada de lado e merece um destaque e um debate profundo em suas mais diferentes esferas.


A partir daí, ficou decidido que o clube iria focar em três grandes ações. A primeira delas era a de entregar as redes sociais, para que uma influenciadora digital negra pudesse postar o que ela quisesse, da forma que quisesse, com o seu olhar. Com isso, a youtuber Bianca "Fala Sem Gritar" assumiu as mídias sociais do clube e trouxe um olhar do negro naquele dia, em especial, dando enfoque seus propósitos e alertando sobre o racismo estrutural em nossa sociedade.



A ação começou com a ida da Bianca ao CT Carlos Castilho para acompanhar o treinamento do time profissional do Fluminense e aconteceu de forma superleve e descontraída, marca registrada da influenciadora. Posteriormente seguiu para a sede de Laranjeiras, onde Bianca também fez interações e abordagens com componentes históricos do clube. A ação foi realizada, na maior parte do tempo, através dos stories do Fluminense.


A segunda ação envolveria um vídeo explicando a verdadeira origem do apelido Pó de Arroz, novamente postado nas redes com o objetivo de extinguir de vez a pecha de clube racista.


Para completar, foi proposta uma live no canal do Fluminense do YouTube, a FluTV, com um debate sobre o racismo e o preconceito no esporte, em especial no futebol. Com intermediação de Ernesto Xavier, jornalista, ator, mestre em antropologia e escritor, houve a participação de dois treinadores negros do clube: Marcão (sub-23) e Thaíssan Passos (futebol feminino).


A conversa só não contou com a participação de Hylmer Dias, técnico do vôlei feminino, porque havia um jogo da equipe no mesmo horário. O debate foi repleto de ensinamentos e experiências os que dois profissionais viveram ao longo de suas carreiras.



Umbro original
Sika original
Tim original
Testfy original
Hotelnacional original
Brahma original
Zinzane original
Betmotion original
Bioleve original
Puri original
Ambipar original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Telecall original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Top on original
Singular original
Opusseg original
Coachid original
Donna original
Mazars original
Ncores original
Cbc original