22/02/2019 22:00 - EM
Olímpico
Superliga: Fluminense vence o Curitiba Vôlei por 3 a 0
Na volta de Sassá e Lara às quadras, Tricolores atropelam as adversárias


Haja fôlego! E a torcida soube empurrar o Time de Guerreiras nesta sexta, 22, na vitória sobre o Curitiba Vôlei por 3 sets a 0. A partida, válida pela oitava rodada da Superliga Cimed, teve ainda a volta da líbero Sassá e da central Lara Nobre, após um mês afastadas das quadras por conta de estiramento na coxa. O resultado positivo deixa o Fluminense em oitavo lugar, com 21 pontos, dois a menos que as adversárias da noite, mas mostrou uma equipe bem diferente dos duelos anteriores.

Pri Daroit, foi eleita a melhor jogadora:

"O time entrou focado, a volta da Sassá e da Lara foi muito importante. Espero que seja um recomeço. Todas estão de parabéns e mostraram um jogo que não vinha acontecendo durante a competição. Sabemos da qualidade das outras equipes, mas corrigimos alguns erros e melhoramos bastante".

O jogo:

Tenso, o primeiro set começou com as duas equipes se enfrentando de igual para igual. Com um ritmo parecido, o Fluminense se destacava pelo saque de Pri Daroit, que fazia tudo fluir bem em quadra. Bom também no bloqueio, o Tricolor levava vantagem com a força de Thaisinha, que causava um verdadeiro estrago nas adversárias, e Joyce marcando muito bem. Assim o Time de Guerreiras disparou no marcador e fechou por 25 a 14.

O Curitiba até voltou melhor para o jogo, mas esbarrava na muralha que o Flu: Lara Nobre. Um verdadeiro rally fez o time chegar ao empate (16 a 16) pelas mãos de Joycinha, que levou a plateia ao delírio. E novamente no saque as tricolores viraram o jogo com belos aces. O Curitiba pediu tempo, fez substituições, mas não conseguiu superar o Fluminense, que levou o segundo por 25 a 19.

O terceiro set mostrou que os dois times ainda tinham muito gás e a bola caía nos dois lados da quadra. Novamente prevaleceu o bom saque do Fluminense e o ataque potente de Pri Daroit. O Curitiba mexeu bastante na equipe, tentou melhorar o bloqueio, mas nada funcionava e o time estacionou no placar, enquanto as tricolores se mostravam mais atentas em quadra e, dominando a parcial, fecharam o jogo por 25 a 18.

O Time de Guerreiras tem mais quatro desafios antes dos playoffs. Dia 26 é a vez de enfrentar o Brasília, na casa das rivais, às 19h. Em seguida, dois jogos na Hebraica: dia 8 de março com o São Caetano, às 20h e dia 12 com o Osasco, no mesmo horário. Encerrando o returno, (15/3), a equipe vai até o ginásio Panela de Pressão para encarar o Bauru (ainda sem horário definido).

Fluminense em quadra com: Lara Nobre e Letícia Hage (centrais), Pri Daroit e Thaisinha (ponteiras), Teny (líbero), Joyce (oposta) e Giovana (levantadora). Entraram: Ju Carrijo (levantadora) e Larissa (central). O técnico é Hylmer Dias.

Confira mais fotos clicando AQUI.
Fotos: Mailson Santana/FFC





Ua original
Tim original
Autovisa original
Brahma original
Gatorade original
Futebolmelhor original
Bioleve original
Bnnutri original
Puri original
Wv original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Bauerfeind original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Mazars original
Sos original
Parceiro cbc original
Grupoentreter original