10/10/2018 16:00 - EM
Futebol
Marcos Calazans fala sobre emoção de retornar aos gramados
Atacante ficou afastado por mais de um ano por lesão e projeta fim de ano positivo


Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Depois de mais de um ano sem jogar, Marcos Calazans voltou aos gramados na última segunda-feira, na goleada do Flu por 4 a 0 sobre o Paraná, pelo Campeonato Brasileiro. O atleta se recuperou de duas cirurgias no joelho - uma por lesão e outra por ter sido agredido de forma covarde - e se emocionou com o carinho da torcida ao pisar novamente no Maracanã.

- Depois da agressão, passou muita coisa na minha cabeça. Realmente pensei em parar, mas as pessoas que me cercam conversaram comigo e tiraram isso da minha cabeça. É maravilhoso voltar, estou muito feliz. Poder entrar em campo, ajudar de novo a equipe, é sempre bom, o sentimento é o melhor possível. Eu me senti muito bem na parte física e técnica - explicou o atleta, falando sobre os cuidados que recebeu do departamento médico.

- A minha relação com o Fluminense é a melhor possível. Estou há oito anos no clube. Todos me conhecem. Sou muito grato a todos por tudo o que fizeram por mim. Ao Dr. Douglas, ao departamento médico, à fisioterapia. Sou muito grato por tudo que fizeram - ressaltou. Calazans comentou também sobre sua recuperação e disponibilidade para jogar o restante da temporada.


- Quero jogar todos os jogos, poder ajudar. Se eu estiver bem e o professor achar que deve me colocar de titular, vai ser um momento muito bom para mim. Mas isso é com ele, estou trabalhando para mostrar o meu melhor. Velocidade, explosão e boa visão de jogo são minhas principais características. Vou trabalhar, quero estar na lista da Sul-Americana, mas vai estar nas mãos do professor - destacou o atacante, já projetando o clássico de sábado com o Flamengo, às 17h no Maracanã.

- Todo jogo é importante, entramos em campo pensando nos três pontos. Clássico tem aquele gostinho especial, querendo ou não, entramos com mais vontade de vencer. Essa vontade sempre aumenta e todo jogo a gente entra querendo ajudar a equipe. Esse Fla-Flu é um novo passo. Espero que eu possa entrar, se possível fazer um golzinho, né? O importante é ajudar a equipe - disse. Para Calazans, alguns objetivos e metas com a camisa Tricolor estão bem próximos.

- Eu ainda busco meu primeiro gol, terminar o ano como titular seria muito bom também. Mas são coisas que eu busco aos poucos. Faltaria o título da Sul-Americana. Coroaria nosso ano, nosso trabalho. Terminar bem o Brasileirão também, buscar os pontos para brigar por uma vaga na Libertadores, nos faria muito feliz - concluiu.


Texto: Comunicação/ FFC
Fotos: Lucas Merçon/ FFC





Ua original
Frescatto original original
Lafe original
Tim original
Zoom original
Rappi original
Yes original original
Stx original
Brahma original
Gatorade original
Futebolmelhor original
Eurocolchoes original
Bioleve original
Puri original
Wv original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Bauerfeind original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Mazars original
Sos original
Parceiro cbc original
Grupoentreter original