08/01/2017 08:03 - EM
Futebol
Fome de bola e elogios de Abel: os 'gêmeos' Marquinhos e Matheus Alessandro
Promovidos para o profissional nesta temporada, jovens esperam oportunidade para repetir sucesso obtido em Xerém


Dos 20 jogadores que se reapresentaram na última quarta-feira, 13 deles são formados em Xerém. E logo nos primeiros dias dois deles chamaram a atenção do técnico Abel Braga, que fez questão de elogiá-los publicamente. Entre os companheiros eles já são chamados de "gêmeos" não só pela proximidade, como também  pelo estilo de jogo parecido. Só que Marquinhos Calazans e Matheus Alessandro não querem parar só nas palavras. Com fome de bola, eles querem mais.

Aos 20 anos, tanto Marquinhos Calazans quanto Matheus Alessandro foram promovidos para a equipe profissional no início desta temporada. Na base, conquistaram inúmeros títulos, dentre eles o Campeonato Brasileiro Sub-20 de forma invicta, em 2015. O objetivo, como não poderia deixar de ser, é agradar a Abel e ganhar uma oportunidade de mostrar para a torcida tricolor o porquê de serem considerados grandes revelações.

- Estou vivendo um sonho por estar no profissional e ter a oportunidade de ser treinado pelo professor Abel (Braga). Sempre assistia pela televisão ele no Fluminense, então estar aqui hoje e ainda ser elogiado é um sonho sendo realizado com certeza. Espero fazer um grande trabalho nessa pré-temporada e mostrar a ele que mereço uma oportunidade - revelou Matheus Alessandro, que teve o discurso complementado por Marquinhos.

- Esses primeiros dias estão sendo muito bons não só para mim, como para todos os companheiros. É um privilégio muito grande estar no Fluminense e ainda receber elogios de um cara como o professor Abel, que dispensa comentários. Esses elogios motivam ainda mais para continuarmos trabalhando forte para conquistar um espaço - disse Marquinhos Calazans.

                             Parece? Matheus Alessandro (esquerda) e Marquinhos Calazans já são alvos de brincadeiras entre os companheiros

A amizade entre os dois que vem desde 2012 quando passaram a atuar juntos em Xerém já rende algumas brincadeiras logos nos primeiros dias entre os profissionais. É "gêmeo" para lá e para cá. Aos risos, Marquinhos Calazans e Matheus Alessandro levam na boa e, aos risos, entregam o entrosamento de longa data quando perguntados sobre a semelhança física entre eles.

- Somos muito próximos desde 2012 quando o Matheus chegou em Xerém. E pela semelhança física o pessoal costuma perguntar se somos irmãos. Não somos, mas a mãe dele gosta muito de mim e meu pai gosta muito dele e somos realmente muito amigos - afirmou Calazans, que teve que aguentar a pilha do amigo.

- Desde a base todo mundo vivia me chamando de Marquinhos, e ele de Matheus. Somos muitos amigos e estamos muito juntos, então o pessoal pega no nosso pé com as brincadeiras chamando de gêmeos. Mesmo ele sendo mais feio, estou acostumado já (risos) - finalizou Matheus Alessandro.

Texto: Vitor Pimenta - Comunicação Institucional FFC
Fotos: Nelson Perez/ Fluminense FC

Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!





Ua original
Tim original
Autovisa original
Fortevir original
Kashbet2 original
Azeiteroyal original
Gatorade original
Brahma original
Futebolmelhor original
Bioleve original
Puri original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Grupoentreter original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Redeon original
Parceiro cbc original
Opusseg original