10/02/2017 01:00 - EM
Olímpico
Time de Guerreiras supera o Genter Vôlei Bauru e vence por 3 sets a 2
Com o apoio da torcida, Fluminense vira o jogo, conquista a vitória no tie-break e comemora em casa



Não faltou emoção. Com o grito da torcida e no tie-break, o Fluminense levou a melhor na disputa da quinta rodada do returno da Superliga contra o Genter Vôlei Bauru e venceu a partida por 3 sets a 2. Com parciais de 20x25, 25x20, 16x25, 27x25 e 15x12, o Time de Guerreiras tinha pela frente um adversário direto, mas também teve garra para buscar a vitória e comemorar em casa. O próximo confronto acontece no dia 14, contra o Vôlei Nestlé, em Osasco.

Em quadra com a oposta Renatinha, a líbero Juju Perdigão, a levantadora Pri Heldes, a capitã Sassá e Ju Costa nas pontas, as centrais Lara Nobre e Letícia Hage, o Flu abriu o placar, mas foi seguido de perto pela equipe do Bauru, até que as paulistas abriram três pontos de diferença (17 a 14) e obrigaram o técnico Hylmer Dias a pedir tempo. Na pausa, Eva Chantava substituiu Ju Costa, mas não foi o suficiente para as tricolores virarem o jogo. O Bauru fechou por 25 a 20.

Mudanças no segundo set, que começou com a oposta Arianne Tolentino no lugar de Renatinha e marcando ponto para o Flu. O jogo seguia equilibrado, mas os erros no ataque tricolor fizeram o Bauru empatar (8 a 8). Hylmer pediu tempo e mais atenção na hora do passe, e deu certo. O Flu seguiu na frente, vencendo por 25 a 20.

No início do terceiro set, com o Time de Guerreiras em desvantagem, não demorou muito para que o Hylmer apostasse no ataque de Ju Odilon, que substituiu Letícia Hage. Com um bloqueio eficiente das adversárias e os erros de recepção das tricolores, não teve jeito e a equipe Bauruense levou a melhor: 25 a 16.

O quarto set começou com as paulistas à frente e o Flu precisou ter calma para empatar e virar o jogo. O Bauru teve a chance de finalizar, mas se atrapalhou e errou muitos lances. A capitã Sassá fez a diferença quando o time perdia por 24 a 22 e conseguiu levar a partida para o tie-break, que reservava muitas emoções para a torcida.

Visivelmente mais tranquilas em quadra, as tricolores conseguiram dominar o quinto e decisivo set. Sem conseguir reagir, o Bauru teve muitos problemas nos passes, dando a chance para o Fluminense encerrar com festa na quadra. Vitória do Time de Guerreiras por 3 sets a 2 e a festa de Sassá, que garantiu o Troféu VivaVôlei como a melhor jogadora da partida:

- Todo jogo é uma pedreira. Nunca é fácil e essa foi especial. Lutamos até o fim, mostramos nossa garra e alegria. Acho que a união vai continuar fazendo a diferença. Estamos focadas e o resultado pode ser visto nas quadras - vibrou a ponteira.

Esta foi a oitava vitória do Flu, que segue batalhando pela vaga nos playoffs da temporada 16/17 da Superliga. Com o resultado, a equipe somou 24 pontos e permanece em sétimo lugar na tabela de classificação. O time viaja para Osasco (SP) na próxima segunda-feira, 13, para enfrentar as donas da casa, que figuram na terceira posição.

Comunicação Institucional FFC

Fotos: Mailson Santana/Fluminense FC






Under armour
Frescatto
Brahma
Gatorade
Parceiro movimento futebol melhor
Parceiro bioleve
Parceiro senior
Parceiro sos mata atlantica
Coppertone