06/02/2017 14:49 - EM
Xerém
Projeto Plano de Carreira de Xerém traz bons frutos para o Flu
Dos 17 moleques de Xerém no elenco profissional do clube, dez fizeram parte do projeto da base tricolor


Marcos Júnior e Gustavo Scarpa fizeram parte do Projeto Plano de Carreira de Xerém

Desenvolver jogadores com excelência para a equipe profissional do Fluminense é o grande objetivo das divisões de base do clube. Porém, não há como a equipe principal absorver todos os atletas formados por ano em Xerém. Na mais completa academia de formação do país, a molecada tem a opção de ser emprestada para times do Brasil e do exterior, a fim de ganhar mais visibilidade ou voltar mais experiente e valorizado. No atual elenco tricolor, dez Moleques de Xerém já fizeram parte do projeto.

A diretoria da base do Fluminense se preocupa com todos os atletas em desenvolvimento e por isso oferece um plano de carreira para aqueles jogadores que não serão aproveitados de imediato na equipe principal. O projeto tem rendido bons frutos, tanto tecnicamente como na exposição da marca tricolor por todo o mundo. No elenco atual, jogadores como o meia Gustavo Scarpa, o lateral Léo, o atacante Lucas Fernandes e os zagueiros Nogueira e Reginaldo são uns dos atletas no elenco de 2017.

- Aqui na base do Fluminense temos um plano de carreira sólido para todos os jogadores. Mostramos para nossos atletas que independentemente da quantidade de jogadores, das estrelas do primeiro time, a gente oferece a possibilidade de jogar em algum lugar do Brasil ou do mundo. Temos projetos com alguns times ao redor do mundo para oferecer essa possibilidade – contou o gerente da base, Marcelo Teixeira.

No Plano de Carreira, o clube não perde o vínculo com o jogador e, na maioria dos casos, ainda mantém o investimento nele, que tem contrato longo desde o Sub-20. O Fluminense é o clube que mais viagens fez com a base ao exterior nos últimos anos, tem parcerias nacionais e internacionais que são utilizadas para dar mais experiências aos jogadores com intercâmbios e empréstimos.

- Adotamos uma frase em Xerém: “Faça uma pessoa melhor, e teremos um jogador melhor”. O jogador quando atua no exterior evolui dentro e fora de campo. Aprende inglês, e volta mais disciplinado, dinâmico, com outra vivência. Acreditamos nisso e temos tido bons resultados com essa experiência. Todas essas ideias e esses trabalhos que procuramos desenvolver a partir de nosso projeto internacional estarão sempre voltados para a excelência no processo de formação do jogador de Xerém – disse Marcelo Teixeira

O Fluminense, em parceria com o Brasas, promove curso de inglês para os atletas da base, palestras e programações culturais para, além de formar grandes atletas, formarem cidadãos melhores para o mundo. Atualmente, o Tricolor tem parceria com clubes de todo o mundo. Mais de 30 jogadores do tricolor participaram do projeto nos últimos anos.

Confira os jogadores do elenco profissional do Fluminense que participaram do Projeto Plano de Carreira:

Goleiro: Marcos Felipe
Zagueiros: Nogueira e Reginaldo
Lateral: Léo
Volante: Luiz Fernando
Meias: Gustavo Scarpa e Daniel
Atacante: Marcos Júnior, Lucas Fernandes e Marquinhos Calazans

Comunicação Institucional FFC
Foto: Nelson Perez/Fluminense FC





Under armour
Frescatto
Brahma3
Gatorade
Tim
Parceiro movimento futebol melhor
Parceiro bioleve
Parceiro senior
Parceiro sos mata atlantica
Coppertone
Parceiro cbc