14/07/2017 17:36 - EM
Futebol
Mascarenhas minimiza fator idade e garante entrega contra Coritiba
Para o lateral de apenas 19 anos, juventude não interfere em seu desempenho


Seja Sócio e tenha vantagens na compra de ingressos, além de descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Nesta-sexta, o Fluminense realizou a preparação para a partida de domingo contra o Coritiba, no Couto Pereira e antes do treino tático no CTPA, o lateral-esquerdo Mascarenhas deu sua primeira entrevista coletiva. Cria de Xerém, o jovem jogador de 19 anos contou como está lidando com a responsabilidade de atuar pelo time profissional.

“Trabalhei bastante na base e subi esperando oportunidade. O professor Abel pode confiar em mim, como vem confiando em outros. Estou tranquilo, ele me passa bastante confiança. Estou dando o meu melhor e acho que estou conseguindo me desempenhar bem”, disse o atleta, que não vê a idade como um peso para a sua performance dentro das quatro linhas.

“Isso de idade fica mais no papel. Quando entra em campo não tem isso de idade, a gente joga de igual para igual com qualquer time. O Fluminense é time grande. Se colocou é porque confia. O Abel deixa a gente bem tranquilo, bastante confiante. Individualmente o time está bem, os garotos estão aparecendo”, afirmou.

Quanto a eventuais cobranças, Mascarenhas ressaltou a importância de dar continuidade ao trabalho para que os resultados apareçam. “Todo mundo está dando o seu máximo. Às vezes não conseguimos repetir a mesma escalação em todo jogo, devido a problemas médicos, mas quem está entrando está dando o melhor. É continuar trabalhando que as coisas vão dar certo”, analisou o camisa 38.

Às vésperas do confronto contra o Coritiba, válido pela 14ª rodada do Brasileirão, o jogador disse o que espera do adversário. “Todos os jogos do Brasileiro são difíceis, ainda mais no Couto Pereira contra o Coritiba, com eles vindo de uma vitória. Mas vamos entrar em campo como sempre entramos, procurando ganhar o jogo e sair de lá com os três pontos”, garantiu.

Sem saber quais serão os escalados pelo técnico Abel Braga, o atleta exaltou seus companheiros e mostrou confiança na qualidade do elenco. “Eu não sei quem vai jogar. Para mim, o grupo não são só os onze titulares, temos mais jogadores e todos eles são qualificados. Tenho certeza que quem entrar vai dar o melhor.”

Primeiro jogador do Projeto Guerreirinhos a integrar a equipe profissional, Matheus Mascarenhas está no Fluminense desde os 8 anos de idade. Ao recordar sua trajetória no Flu, fez questão de enaltecer o trabalho dos profissionais de Xerém. Com tantas mudanças acontecendo em tão pouco tempo, o jovem precisou repensar seus planos para o futuro e revelou alguns.

“Quando eu estava na base, não esperava que as coisas fossem acontecer assim tão rápido. Eu esperava subir, trabalhar e aguardar uma oportunidade. Só que as coisas aconteceram muito rápido. Depois que eu estreei, criei novas metas. Quero dar meu melhor aqui, daqui a cinco anos, ou bem antes disso, ter oportunidade na Seleção Brasileira e ganhar muitos títulos pelo Fluminense. Esse é meu maior objetivo”, projetou.

Texto: Comunicação/ FFC
Foto: Mailson Santana/ FFC





Ua original
Tim original
Autovisa original
Fortevir original
Brahma original
Gatorade original
Futebolmelhor original
Bioleve original
Bnnutri original
Puri original
Wv original
Bassan original
Flaviohermolin original
Rentv original
Nhj original
Nb original
Radlink original
Bauerfeind original
Thermohuman original
Bodymetrix original
Vaccini original
Mazars original
Sos original
Parceiro cbc original
Grupoentreter original